Artroplastia de Quadril

A artrose do quadril é uma doença degenerativa crônica e progressiva, que causa desgaste da articulação entre a pelve e a cabeça do fêmur. Caracteriza-se por dor e limitação funcional crescente para atividades básicas do dia-dia. O tratamento padrão para a artrose em fase leve a moderada é feito com medicamentos para dor, uso de medicação para cartilagem, infiltracao articular, fisioterapia e mudança dos hábitos de vida, como: perder peso e fazer fortalecimento muscular. Quando o tratamento medicamentoso é incapaz de controlar a dor, indica-se a substituição articular com prótese total do quadril. Também conhecida como “artroplastia de quadril”, o procedimento tem sido realizado em São Luís através do protocolo Fast Track Surgery que é uma técnica de reabilitação acelerada do paciente.
A técnica é fruto da tese de Doutorado do ortopedista do UDI Hospital Raul Frankllim de C. Almeida, intitulada “Artroplastia Total do Quadril: Fast Track Surgery”. O protocolo atua na identificação dos possíveis fatores que prolongam o tempo de internação hospitalar do paciente.


Entre os diferenciais do protocolo fast track surgery, destaca-se a otimização do procedimento cirúrgico com intensificação dos cuidados do paciente em três fases: pré-operatório, transoperatorio e pós-operatório. “O resultado desta nova abordagem é a maior integração de toda a equipe de saúde envolvida na cirurgia do paciente, tornando a cirurgia mais segura e eficiente. Assim, conseguimos conscientizar melhor o paciente a respeito da cirurgia; investigamos e tratamos as doenças associadas como anemia, infeccao urinária e outras doenças; diminuímos a perda sanguínea durante a cirurgia através do uso de medicamentos que controlam o sangramento, bem como o uso de menores vias de acesso; fazemos prevenção de náuseas, vômitos e mal-estar no pós-operatório ; outra etapa fundamental é o manejo da dor no pós-operatório. Utilizamos médicamentos eficazes para o controle da dor no pós-operatório. Isto facilita a reabilitação com mobilização precoce do leito e início da deambulação, diminuindo assim o risco de trombose. O paciente sente-se seguro e confortável para andar, tomar banho de chuveiro e ir para casa. O resultado desta nova abordagem da Artroplastia total do quadril foi a redução do
tempo médio de internação do paciente de 7 para 2 dias. A redução total dos custos hospitalares foi de aproximadamente 65%. Isto é extremamente importante para o nosso país, pois conseguimos melhorar um procedimento cirúrgico com aumento do índice de satisfação do paciente, diminuição das complicações e redução acentuada dos custos hospitalares”, destacou o ortopedista Raul Almeida.
O resultado parcial do trabalho será apresentado no Congresso Internacional de Cirurgia do Quadril em Porto-Portugal, que foi realizado nos dias 29 e 30 de junho. O mesmo protocolo também está sendo aplicado para a cirurgia de prótese total do joelho.
“O Estado do Maranhão pode ficar orgulhoso por este estudo, pois ele representa inovação e vanguarda da área de saúde do Brasil e do mundo”, concluiu o médico.

Dr. Raul Frankllim de C. Almeida
Doutorando em Ciências da Saude.
Especialista em cirurgia do quadril e joelho no Instituto de Ortopedia e Traumatologia do Esporte do UDI Hospital e do Hospital Universitário Presidente Dutra-UFMA.

Recent Posts

Leave a Comment